exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Ministra da Educação de França quer Pokémons raros fora das escolas

A possibilidade de haver estranhos a rondar as escolas em busca de Pokémons leva a ministra da Educação de França a reunir-se com a Niantic.

  • 333

Najat Vallaud-Belkacem, a ministra da Educação de França, quer que a Niantic altere o funcionamento do Pokémon Go e que retire os Pokémons raros das escolas. As autoridades francesas temem que as escolas passem a ser rondadas por elementos estranhos ao ambiente e que haja mesmo tentativas de intrusão, pondo em perigo a segurança de alunos e funcionários.

Atualmente, existe a opção de os diretores das escolas pedirem online que os estabelecimentos de ensino que dirigem sejam retirados do mapa do jogo, mas a ministra pretende que as escolas sejam retiradas sem ser preciso dar estes passos, explica o ArsTechnica. Sabe-se que a ministra já tem marcada uma reunião com a Niantic para acertar estes passos.

Também as autoridades na Tailândia alertaram para os efeitos negativos que o jogo Pokémon Go poderia ter nos mais jovens e baniram-no das instalações militares e das agências de segurança.

  • 333