exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Centenas de presos na Índia por fraude telefónica

As autoridades indianas anunciaram a detenção de 700 cidadãos acusados de fraude telefónica a cidadãos dos EUA. A burla passava por convencer as vítimas a enviar dinheiro ou cartões de crédito pré-pagos.

  • 333

Exame Informática

Mais de 700 pessoas foram detidas na Índia acusadas de telefonar para os EUA e convencer as vítimas de que estariam a ligar por parte do serviço de finanças norte-americano. As vítimas eram levadas a crer que deviam dinheiro de impostos atrasados e que a polícia estaria a caminho. Para evitar a humulhação e outras consequências, a vítima só teria de ou transferir dinheiro através de serviços como o Moneygram ou comprar cartões de crédito pré-pagos e a enviá-los para uma determinada conta.
Segundo o ArsTechnica, dos 700 detidos, 70 já foram formalmente acusados e 630 estão a ser investigados. As autoridades revelam que a operação funcionava em call centers e que tiveram um agente infiltrado. Os criminosos estavam ainda a gravar todas as chamadas e foram confiscados mais de 850 discos rígidos com estas gravações. As pessoas a fazer estas chamadas recebiam entre 150 a 1050 dólares por mês.

  • 333