exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Twitter quer acabar com o Vine

A solução de divulgação de vídeos curtos não está a ser o que os responsáveis do Twitter queriam e já há rumores de que o serviço deve mesmo acabar em alguns meses.

  • 333

Exame Informática

Os responsáveis pelo Twitter já terão avançado com uma vaga de despedimentos no Vine durante o dia de hoje, confirmou uma fonte próxima ao The Verge. Os planos passam por encerrar o serviço nos próximos meses, mas o Twitter afirmou que não irá apagar conteúdos para já e que os Vines criados vão estar disponíveis por mais algum tempo. O utilizador poderá escolher também descarregar as suas criações. «Vamos manter o site online porque acreditamos que ainda é importante ver os Vines incriveís que foram criados», afirma um comunicado do Twitter.

Recorde-se que o Vine foi comprado, ainda antes de ser lançado, em 2012. O lançamento ocorreu em janeiro de 2013 e, durante algum tempo, os clipes de vídeo de seis segundos foram bastante populares. A oferta de vídeo do Instagram veio acabar um pouco com este reinado e agora parece que o Twitter terá mesmo decidido “puxar a ficha”. Houve recentemente uma tentativa de venda, mas nenhum comprador ofereceu o valor que o Twitter pedia.

  • 333