exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Sistema da Intel permite controlar 300 drones com apenas um PC e um operador

O Shooting Star foi concebido para fins de entretenimento, mas a tecnologia pode ser aplicada a outras indústrias. O sistema vai ser utilizado por um parque da Disney na Florida.

  • 333
Paulo Matos

Paulo Matos

Jornalista

A Intel desenvolveu um sistema de drones, batizado de Shooting Star, que é composto por 300 unidades e pode ser controlado por um único operador através de um computador, graças aos algoritmos de controlo que otimizam os voos. O Shooting Star está agora a caminho do parque da Disney na Florida, onde fará, a partir de domingo e durante três semanas, um espetáculo de coreografias aéreas, avança a ZDNet.

A Disney obteve a aprovação das entidades oficiais para ter drones a voar nos parques da Florida e da Califórnia, mas os equipamentos terão de ser operados por pilotos certificados.

Refira-se que este sistema foi desenvolvido especificamente para fins de entretenimento, pelo que os drones são constituídos por esferovite e plásticos, sendo que os LEDs que incorpora são capazes de gerar mais de 4 mil milhões combinações de cores.

Contudo, a capacidade do Shooting Star poder ser controlado por um único operador abre possibilidades para que este princípio possa ser aplicado a indústrias que tenham de fazer inspeções de determinados espaços, por exemplo.

  • 333