exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Prémios COTEC atribuídos a empresas de têxteis e Informática

Com três carateres apenas se escreve ERT, I2S e TMG. São as três vencedoras da edição de 2016 dos prémios da associação de empreendedorismo COTEC.

  • 333

Conhece a TMG? Não? Se já andou num dos mais recentes modelos da Mercedes, da BMW, da Toyota e da Volvo é possível que já tenha tido contacto com um dos produtos inovadores da empresa minhota, que acaba de receber o prémio Produto Inovação COTEC-ANI. A TMG não é a única empresa que alia têxteis à indústria automóvel e que recebeu um prémio da COTEC durante o evento desta manhã: A ERT, de São João da Madeira, ganhou o Prémio PME Inovação COTEC-BPI TMG… com a produção de têxteis técnicos para a Porsche, Maserati, Audi e Rolls Royce, entre outras empresas. Este último prémio foi atribuído em ex aequo à i2S, uma empresa que tem vindo a crescer com o desenvolvimento de software para o segmento das seguradoras. As três empresas receberam obras de arte como prémio.

À margem do evento realizado hoje em Lisboa, Jorge Portugal, diretor-geral da associação de empreendedorismo COTEC, recordo que as três empresas premiadas pretendem atuar como exemplos de como a Investigação e Desenvolvimento (I&D) podem abrir caminho a produtos bem-sucedidos. «Hoje, o sistema científico português já consegue dar resposta aos problemas das empresas. É algo que há 30 anos seria impossível – até porque a algumas áreas de estudo não existiam antes», comentou o responsável da COTEC, deixando uma mensagem inspiradora: «Estes prémios permitem mostrar que vale a pena investir no conhecimento, enquanto ingrediente de inovação».

ERT Têxtil Portugal é especializada na produção de têxteis técnicos. Mais de 85% dos negócios desta empresa destinam-se ao segmento automóvel. Depois de investir na aquisição de uma empresa espanhola e outra da república checa, a empresa portuguesa expandiu-se para oito países. Em Portugal, conta com uma faturação de 30 milhões de euros. Em 2014, lançou um Centro de Inovação Criativa.

A I2S é uma softwarehouse especializada no segmento dos seguros, que tira partido de algumas parcerias assinadas com grandes marcas com a IBM, Oracle e SAP. Hoje, a companhia portuense tem escritórios em Madrid, Luanda, Maputo e São Paulo. É a partir destes escritórios que presta apoio a mais de 50 seguradoras. A faturação da empresa já supera os 15 milhões de euros.

A TMG, que ganhou a distinção da COTEC para a área de desenvolvimento produto, distinguiu-se com um têxtil conhecido por PVU, que é um compósito que permite produzir tecidos plastificados de 1,3 milímetros de espessura para uso em estofos de automóveis. O PVU distingue-se pela resistência ao uso diário e ao frio e promete maior durabilidade e conforto.

  • 333