exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Mercado de PCs: três maiores fabricantes aumentam vantagem sobre concorrência

Os números referentes às remessas mundiais do 4º trimestre apontam para uma estabilização do mercado de PCs e a tendência de consolidação significa que Lenovo, HP e Dell continuam a crescer a nível de quota.

  • 333
Paulo Matos

Paulo Matos

Jornalista

O mercado de PCs não vive um momento positivo, mas parece querer estabilizar. De acordo com a consultora IDC, as remessas mundiais de PCs tradicionais (desktops, portáteis e workstations) totalizaram 70,2 milhões de unidades no 4º trimestre do ano passado, o que representa uma queda de 1,5%. Por sua vez, a Gartner aponta para remessas de 72,5 milhões e para uma queda de 3,7% nesses três meses.

Passando para a análise global do ano de 2016, ambas as consultoras apontam para um resultado negativo com um valor semelhante: 5,7% para a IDC e 6,2% para a Gartner.

A região EMEA (que engloba Europa, Médio Oriente e África) teve uma performance acima do esperado e manteve o volume de remessas estável, enquanto Japão e Canadá distinguiram-se pelos resultados positivos alcançados. Estados Unidos e Ásia/Pacífico decresceram ligeiramente, enquanto a América Latina registou a maior queda.

A nível de fabricantes, pode constatar-se que a tendência de consolidação se mantém, com os três maiores fabricantes a aumentarem as respetivas quotas de mercado. A Lenovo reteve a liderança mundial, mas a HP ainda continua a ser número um se analisarmos unicamente o mercado europeu. A Dell fecha o top 3, enquanto Apple e Asus disputam as posições seguintes. A Acer está na sexta posição. Pode saber mais detalhes nas duas listas abaixo.

Quota de mercado mundial no 4º trimestre de 2016 (e comparação com período homólogo de 2015)

1º) Lenovo – 22,4% (era 21,6%)

2º) HP – 21,7% (era 20,1%)

3º) Dell – 15,7% (era 14,3%)

4º) Apple – 7,5% (era 7,4)

5º) Asus – 7,4 (era 8,2%)

Fonte: IDC

Quota de mercado mundial para o total do ano de 2016 (e comparação com 2015)

1º) Lenovo – 20,7% (era 19,9%)

2º) HP – 19,4% (era 18,3%)

3º) Dell – 14,6% (era 13,3%)

4º) Asus – 7,6% (era 7,4%)

5º) Apple – 6,9% (era 7,1%)

6º) Acer – 6,8% (era 7,1%)

Fonte: Gartner