exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

SkyPan multada em 200 mil dólares por voar drones ilegalmente

É a maior multa aplicada pelas autoridades dos EUA a uma empresa que fazia voos ilegais de drones nos céus de Chicago e Nova Iorque: a SkyPan vai ter de pagar 200 mil dólares.

  • 333

Exame Informática

A FAA propôs inicialmente uma multa de 1,9 milhões de dólares, mas avançou agora para uns mais modestos 200 mil dólares. Apesar da redução significativa, ainda é a multa mais elevada do género, noticia o Recode. A SkyPan é uma empresa especializada em imagens aéreas e que oferece os seus serviços a criadores e arquitetos. A empresa terá feito 65 voos ilegais de drones sobre Chicago e Nova Iorque para captar estas imagens, em áreas restritas, entre 2012 e 2014.

As autoridades defendem que a SkyPan operou sem licença e sem autorização em alguns dos espaços aéreos mais congestionados dos EUA. A acusação refere ainda que os drones foram operados sem ferramentas de comunicação apropriadas. Caso a SkyPan seja novamente acusada no próximo ano, irá receber uma nova multa de 150 mil dólares.

A indústria ainda aguarda a decisão final da FAA sobre a legislação e regulamentação a aplicar nos voos de drones, nomeadamente sobre os voos em zonas densamente povoadas.

  • 333