exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Microsoft quer potenciar vendas de ebooks

O Windows 10 vai receber uma secção para venda de livros eletrónicos numa próxima versão. A Microsoft parece querer entrar de novo no segmento.

  • 333

Exame Informática

Uma nova versão do Windows 10, com uma secção de venda de ebooks, apareceu na Internet, de forma não oficial. A confirmar-se, poderemos estar perante uma aproximação da Microsoft a um segmento que abandonou há dois anos. De acordo com o The Guardian, as editoras consideram uma boa notícia esta intenção da Microsoft, mas também revelam que ainda não houve qualquer contacto para a disponibilização de títulos para essa plataforma.

O MSPower User mostra esta versão do Windows com uma secção de venda de ebooks integrada na Windows Store e disponível para os PC e telemóveis. Para a Microsoft, faz sentido começar a vender livros, uma vez que já comercializa filmes, apps, jogos e músicas.

Um porta-voz da empresa de Redmond confirma que são testadas regularmente novas funcionalidades e mudanças, também para verificar a aceitação da comunidade, antes do lançamento de um produto oficial.

Gordon Wise, agente literário e presidente da Association of Authors’ Agents britânica, diz que qualquer entusiasmo em relação à entrada da Microsoft no segmento vai esfriar se a empresa de Redmond estiver a pensar num modelo de subscrições ou até em conteúdos fremium.

Ainda não há qualquer confirmação de datas de disponibilização deste serviço, nem de qual o modelo de comercialização que a Microsoft vai querer implementar.

  • 333