exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

As 11 aplicações que suportam o mundo. E outras conferências da PLMJ

O que é que as Tecnologias podem fazer pelo Direito? E o que é que o Direito pode fazer pelas Tecnologias? As respostas serão apuradas em 10 conferências organizadas pela PLMJ

  • 333

A PLMJ é um dos maiores escritórios de advogados do País – e em breve poderá ser conhecida como uma das principais promotoras de debates sobre tecnologias e direito. O conhecido escritório de advogados fez saber que pretende arrancar, a partir de 26 de janeiro, com conferências temáticas para o segmento empresarial que abordam as diferentes relações entre Direito e Tecnologia.

“Direito Mega Wave” irá reunir, ao longo de 10 sessões, 35 especialistas ligados à segurança, marcas e patentes, propriedade intelectual, gaming, redes sociais, jornalismo e espetáculo, numa abordagem técnica e prática sobre os principais desafios do presente e do futuro do Direito e da Tecnologia. De entre as inúmeras personalidades há a destacar António Gameiro Marques, Nuno Rogeiro, Dr. Bakali, Miguel Carretas, Miguel Guedes, Tito Rendas, Baltazar Rodrigues, Paulo Viegas Nunes, Cédric Manara e Reginaldo Rodrigues de Almeida, que irão refletir sobre cibersegurança, robôs na vida dos escritórios e nos tribunais, seu estatuto jurídico, inteligência artificial e cyborgs, cloud computing, big data, gaming, redes sociais, ameaças internas e segurança nacional, direitos de autor e marcas e patentes», informa o comunicado da PLMJ.

A primeira destas conferências realizadas em formato de pequeno-almoço de negócios está agendada para o dia 26 de janeiro, no auditório da PLMJ em Lisboa. O tema é: «os onze programas de computador que suportam o mundo». As entradas são gratuitas, mas dependem da prévia inscrição no site do escritório de advogados.

  • 333