exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Austrália quer trocar passaportes por reconhecimento facial

A Austrália quer que o reconhecimento do rosto, da íris ou da impressão digital sejam suficientes para entrar ou sair do país, terminando assim com o uso de passaportes nos voos internacionais.

  • 333

Exame Informática

A Austrália começou a testar o Seamless Traveler, um projeto que pressupõe o uso de reconhecimento biométrico em vez dos passaportes como forma de validar as entradas e saídas do país. O objetivo é que o processo seja rápido e com um auto-processamento fácil para até 90% dos passageiros, para que as autoridades se possam focar nos casos de risco elevado.

Este projeto pode substituir os SmartGates, instalados há apenas 10 anos. Sabe-se que as autoridades estão abertas a receber propostas tecnológicas que forneçam soluções simples e inovadoras, noticia o Engadget.

Uma possível versão do sistema inclui sensores de reconhecimento facial espalhados pelo corredor, pelo que o passageiro apenas precisa de andar, sem ter de parar, para que a sua identidade seja confirmada. No plano teórico, estes passageiros não precisam de interromper o percurso ou sequer de falar com alguém.

Ainda não há qualquer indicação sobre como é que os passageiros podem autorizar ou recusar este reconhecimento e quão seguros é que os seus dados estarão. Sabe-se que a legislação local já prevê a recolha destes dados de todas as pessoas, incluindo menores, que passem pelos aeroportos.

O objetivo é que o sistema esteja pronto em março de 2019.

  • 333