exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Não, Zuckerberg não quer ser presidente dos EUA

David Paul Morris - Wired

Depois dos rumores e das teorias da conspiração, eis que chegou a hora do líder da Facebook negar qualquer intenção numa candidatura à presidência dos EUA

  • 333

Rumor: Mark Zuckerberg quer concorrer a presidente dos EUA. Desmentido: não, o líder da Facebook, não quer ser presidente dos EUA. O rumor tinha demorado a pegar – mas Mark Zuckerberg não quis que houvesse margens para dúvidas e negou qualquer pretensão a um cargo político, quando questionado pelo site Buzzfeed News.

«Não (quero candidatar-me à presidência dos EUA), estou focado em construir a nossa comunidade no Facebook e trabalhar na Iniciativa Chan Zuckerberg», respondeu o jovem empreendedor quando questionado.

O rumor começou a ganhar dimensão aquando das primeiras tomadas de posição de Zuckerberg sobre alguns assuntos que se encontram na ordem do dia. Embalada ou não por este rumor que tinha como suporte as mudanças no organograma da empresa que gere a maior das redes sociais, a revista Fortune chegou a lembrar que Mark Zuckerberg já se poderia candidatar a presidente dos EUA em 2020, quando já tiver 32 anos. O facto de se ter comprometido em visitar cada um dos estados dos EUA e de ter suavizado a sua posição quanto à religião (Zuckerberg descreve-se como ateu) também terão contribuído para que o rumor viesse a ganhar dimensão.