exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

MUB cargo angaria 300 mil euros de investimento

A empresa criada na Startup Braga quer chegar ao mercado internacional e conectar pessoas que precisam de transportar mercadorias com transportadoras.

  • 333

Exame Informática

A MUB cargo criou uma plataforma online onde junta 300 transportadoras a nível nacional e já conta com mais de 3000 downloads. O sistema está a operar apenas desde novembro e só para iOS e permite aos clientes solicitar orçamentos e obter as melhores condições do mercado a cada momento. Para o lado das transportadoras, esta é uma forma de incrementar vendas e fazer uma gestão eficiente das rotas.

Agora, a empresa criada na Startup Braga está a fechar uma ronda de investimento liderada pela BrainCapital e que deve ultrapassar os 300 mil euros, explica o comunicado de imprensa.

A plataforma foi reformulada para operar na Web, Android e iOS, oferece uma melhor experiência de utilização e agora também a possibilidade de efetuar transportes internacionais.

O CEO da BrainCapital, João Brazão, refere que a MUB cargo tem uma «inegável proposta de valor para os transportadores e para quem procura de transportes». Carlos Palhares, CEO da MUB cargo, explica que este capital e o apoio serão fundamentais para «garantir o sucesso internacional da plataforma».

  • 333
  • Valor das bitcoins bate recorde

    Mercados

    A moeda digital Bitcoin atingiu um valor recorde na sexta-feira, valendo 1298 dólares. Os analistas estimam que a evolução positiva vai continuar e que as Bitcoin podem chegar a valer 2288 dólares até o final do ano.

  • Prontos para descolar

    Mercados

    Num futuro não muito longínquo, os drones tripulados e os carros voadores irão partilhar céus e estradas com aviões e automóveis. Esse futuro chega já em 2018.

  • A 5G vista por dentro

    Mercados

    Já são conhecidos os requisitos técnicos da quinta geração de telemóveis. Em 2018, deverão surgir as primeiras cidades cobertas com 5G… mas o upgrade exige avultados investimentos, o rearranjo de frequências, e a migração da TDT. Será 2020 um ano assim tão longínquo?