exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Hackers ameaçam “limpar” 300 milhões de iPhones... a não ser que Apple pague

Um grupo de hackers chamado Turkish Crime Family ameaçou divulgar dados de contas iCloud e de email da Apple, a não ser que a empresa pague 71 Bitcoins, o equivalente a 75 mil dólares.

  • 333

Exame Informática

A equipa de hackers alega que tem em seu poder dados de milhões de utilizadores de iPhone e pede um resgate de 71 Bitcoins para não divulgar a informação. Os cibercriminosos aceitam ainda ser pagos em Ethereum, outra moeda virtual, ou receber cem mil dólares em vales para o iTunes, presumivelmente para os revenderem.

A equipa de segurança da Apple terá replicado às exigências dos hackers pedindo que se removesse o vídeo do YouTube que foi publicado e a informar que não recompensa criminosos por quebrarem a lei. O vídeo no YouTube mostra os piratas a aceder remotamente a algumas destas contas iCloud. A esta resposta, os hackers ameaçaram então fazer o reset das contas iCloud e apagar remotamente os conteúdos de mais de 300 milhões de iPhones. Estas comunicações foram confirmadas pelos hackers ao Motherboard.

Ainda não é claro qual será a próxima resposta da Apple, mas os hackers deram o prazo de 7 de abril para receber o resgate.