exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Hackers roubam 17 milhões de emails e passwords de utilizadores do Zomato

O popular serviço de recomendação de restaurantes foi atacado e os piratas terão conseguido deitar a mão a 17 milhões de emails e passwords de utilizadores. A empresa explica que já fez o reset às contas que foram afetadas.

  • 333

Exame Informática

A Zomato conta com 120 milhões de utilizadores mensais e foi alvo de um ataque informático que afetou mais de 17 milhões de contas. A empresa diz que as passwords estão seguras porque foram alvo de hashing, o que significa que são armazenadas como uma corrente aleatória de caracteres que não tem qualquer semelhança com a password que protege.

A primeira medida de segurança da Zomato foi fazer o reset nas contas afetadas e recomendar a todos os utilizadores que mudem as suas passwords. O maior risco é que, muitas vezes, os utilizadores adotam a mesma password para diferentes serviços online. Se os hackers têm na sua posse as combinações de emails e passwords podem facilmente aceder a outros serviços online onde as vítimas tenham registo, explica o VentureBeat.

O roubo deveu-se a uma «falha humana na segurança interna», revela fonte da Zomato, detalhando que a conta de desenvolvimento de um funcionário foi o ponto de entrada.

A Zomato foi fundada na Índia em 2008 e opera em muitos mercados em todo o mundo. A app para telemóvel permite encontrar informação sobre restaurantes como os menus, fotografias, localização e preço médio. Há também uma comunidade que faz críticas e atribui classificações, o que ajuda os utilizadores a decidir na altura de escolher onde jantar ou almoçar.

  • 333