exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Honda já tem estratégia para carros autónomos

A empresa revelou os seus planos para conseguir sobreviver no mercado automóvel do futuro. O CEO da empresa diz que vai dar prioridade ao desenvolvimento da «eletrificação e tecnologias de segurança» dos seus veículos e que planeia introduzir no mercado carros capazes de condução autónoma.

  • 333

Ruben Nascimento Oliveira

A empresa produtora de automóveis Honda Motor Co revelou hoje, pela primeira vez, que planeia desenvolver carros capazes de condução autónoma em ambientes citadinos até 2025. O foco da empresa nesta funcionalidade faz parte da sua estratégia para se manter relevante no mercado automóvel do futuro que avança cada vez mais rapidamente para veículos elétricos e carros com sistemas de condução inteligente.

A Honda já tinha exposto anteriormente intenções de colocar no mercado um veículo com as mesmas capacidades de condução, mas com uso restrito a autoestradas, até 2020. Antes de poder produzir carros capazes de conduzir dentro de cidades a empresa tem que desenvolver a sua inteligência artificial, juntamente com câmaras e sensores para que esta consiga detetar mais movimentos no tráfico e evitar acidentes.

«Vamos colocar a maior prioridade em andar para a frente com a eletrificação e tecnologias de segurança avançadas» disse Takahiro Hachigo, CEO da Honda.

Os responsáveis pela investigação e desenvolvimento da Honda já tiveram custos num valor de 750 mil milhões de Yen (cerca 6 mil milhões de euros) apenas entre o início do ano e março, informa a Reuters.

No entanto, os esforços da empresa podem ser em vão, uma vez que a data prometida para os carros capazes de condução autónoma em cidades põem a empresa um pouco atrás de outras produtoras, como a BMW e Ford, que já prometeram veículos com capacidades semelhantes para 2021.

  • 333