exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

O herói do WannaCry foi preso nos EUA

MalwareTech, ou Marcus Hutchins, é um investigador que se tornou conhecido por ter ajudado a travar o ransomware WannaCry. Agora, foi detido depois da conferência DefCon.

  • 333

Exame Informática

Marcus Hutchins teve um papel importante para travar o WannaCry, depois de este ter infetado hospitais no Reino Unido, telecomunicações em Espanha e várias empresas na Rússia, Alemanha, Turquia, Vietname e muito mais. Hutchins registou um domínio específico que foi incluído no código do malware e esta ação ajudou a travar a proliferação da ameaça. Agora, foi detido acusado de ter criado o Kronos, um código malicioso que visa o setor bancário, noticia a BBC. O Kronos foi desenhado para roubar informação de login nas contas bancárias e outros dados financeiros.

Amigos de Hutchins dizem que ele foi detido logo a seguir à DefCon e à Black Hat, que já foi transferido para outra prisão e que os US Marshalls dizem não ter registo de Marcus ter sido preso. Aparentemente, terá sido o FBI em Las Vegas a efetuar a detenção.

«As acusações contra Hucthins, e pelas quais foi preso, relacionam-se com uma alegada conduta que aconteceu entre julho de 2014 e julho de 2015», especifica fonte do Department of Justice nos EUA.

Hutchins é um cidadão britânico e da UK National Crime Agency já chegou a confirmação: «sabemos que um cidadão do Reino Unido foi detido, mas é uma questão para as autoridades dos EUA. Estamos conscientes da situação. É um assunto de cumprimento da lei e seria inapropriado comentarmos neste momento», respondeu uma fonte desta agência por email.