exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Benfica já está a intimar quem descarregou e-mails de funcionários

O Benfica intimou a Global Media e um jornalista do Jornal de Notícias por acesso indevido à conrrespondência de funcionários do clube que esteve disponível num servidor na Nova Zelândia. Outras empresas que não são da área da comunicação social já terão sido igualmente notificadas

  • 333

Internautas e empresas já começaram a ser notificados pelo Benfica pelo facto de terem descarregado a partir de um servidor baseado na Nova Zelândia os ficheiros com e-mails trocados por funcionários do clube.

De acordo com o Diário de Notícias, o Benfica pretendem apresentar as provas relativas aos downloads junto das autoridades – e por isso preveem solicitar aos internautas que procedam à eliminação dos ficheiros, mas mantenham as provas do acesso aos ficheiros.

As intimações já terão sido enviadas com a assinatura do secretário-geral do Benfica João Salgado. Entre os destinatários das intimações figura um jornalista do Jornal de Notícias e da Global Media, empresa que detém o matutino.

As cartas e os representantes do Benfica são omissos quantos às técnicas usadas para chegar à identificação de pessoas e endereços eletrónicos (eventualmente através do número de IP usado nos downloads) que terão feito os downloads dos mais de 6 GB de correspondência, onde se destacam os e-mails do comentador de programas de futebol e responsável pelos conteúdos da Benfica TV.

A notícia que hoje faz manchete do Diário de Notícias refere ainda que o Benfica já terá feito saber junto das empresas, cujas redes foram usadas para os downloads, para o facto de serem igualmente responsáveis perante a lei pelo acesso indevido à correspondência privada dos funcionários do clube.

Em paralelo, prossegue um processo movido pelo Benfica contra o FC Porto, que alega ataque informático e consequente violação de privacidade. Neste processo, o Benfica exige 50 milhões de euros de indemnização.

  • 333