exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Todos os autocarros de Shenzhen, na China, são elétricos

A cidade chinesa de Shenzhen anunciou que todos os 16 mil autocarros em circulação são elétricos, contribuindo para um ambiente mais verde.

  • 333

Exame Informática

Londres, Paris, Nova Iorque e Los Angeles estão a apostar cada vez mais nos autocarros e transportes elétricos, como forma de reduzir as emissões de gases poluentes. No entanto, o melhor exemplo vem da China, com Shenzhen a anunciar que todos os autocarros da cidade são elétricos. A metrópole tem 12,5 milhões de habitantes e anunciou, no ano passado, que os 16359 autocarros dos serviços públicos são agora elétricos. Este total de autocarros é maior do que a soma dos autocarros encontrados em Nova Iorque, Los Angeles, Toronto, Nova Jérsia e Chicago, explica o Curbed.

A China, com 385 mil autocarros elétricos no total, conta com 99% dos autocarros elétricos de todo o mundo. O ritmo de crescimento também é impressionante: 9500 novos autocarros “verdes” todas as semanas.

A proeza de Shenzhen é possível devido a uma intervenção direta dos responsáveis políticos, a um subsídio de 150 mil dólares oferecido pelos cofres públicos, a um investimento nos terminais de autocarros e porque há milhares de postos de carregamento espalhados pela cidade, que podem também ser usados por condutores privados.

Analistas do World Resources Institute explica que, embora o custo inicial destes autocarros seja substancialmente mais elevado, os custos operacionais e de manutenção são bastante mais baixos também, fazendo com que a aposta seja rentável.