exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Entrevista: João Lousada, o português que está a treinar para ir a Marte

João Lousada em Omã aquando da sua segunda partição em missões que pretendem preparar potenciais astronautas para futuras missões espaciais

DR

João Lousada quer descobrir Marte começando pelo deserto de Dhofar, em Omã. Afinal, como (sobre)vive um astronauta análogo? Que experiências científicas realiza no dia-a-dia? O que acontece quando precisa de ir ao WC? Todas as respostas foram encontradas durante a missão AMADEE-18 da qual o português foi subcomandante.

  • 333

Se algum dia for possível mandar um português a Marte, então João Lousada será provavelmente um dos melhores candidatos. Até porque muito poucas pessoas neste mundo conhecerão tão bem os desafios e vicissitudes de um explorador espacial quando se desloca com um fato de peso correspondente a mais de 50 quilos num ambiente adverso, que tanto pode ser gelado como um glaciar ou escaldante como um deserto. E não é por acaso que fazemos as comparações com dois locais conhecidos pelos extremos do termómetro: O lisboeta de 29 anos iniciou a missão ao serviço do Fórum Espacial Austríaco no Alpes, em 2015, em ambiente dominado por um glaciar rochoso. Atualmente, está na reta final de uma nova missão que o levou a interromper por cinco semanas as funções que assegura na GMV, enquanto controlador do módulo Columbus da Estação Espacial Internacional, para se dirigir para Dhofar, uma zona desértica em Omã.

Este artigo é parte integrante da Exame Informática Semanal. Para continuar a ler clique AQUI (artigo aberto).

Pode ter acesso à Exame Informática Semanal assinando a Exame Informática