exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Aeroportos de Heathrow e Gatwick compram sistemas anti-drone

As autoridades britânicas colocaram equipamentos anti-drone em Gatwick depois da proximidade de um drone ter forçado ao encerramento daquele que é um dos aeroportos mais movimentados de Inglaterra.

Gareth Fuller - PA Images, Getty Images

Dois dos aeroportos mais movimentados do Reino Unido encomendaram um sistema anti-drone semelhante ao que é usado pelo Exército britânico, numa tentativa de minimizar o risco e ameaça que estes aparelhos possam trazer aos voos.

  • 333

Exame Informática

O evento que encerrou Gatwick durante dias ainda está fresco na memória de todos. Agora, os responsáveis pelos aeroportos de Heathrow e Gatwick anunciaram a encomenda de um sistema anti-drone semelhante ao que os militares britânicos trouxeram aquando desse avistamento. Ainda não há detalhe sobre exatamente que sistema é que foi comprado, mas sabe-se que o investimento chegou aos milhões de libras, noticia o Engadget.

A empresa israelita que produz o Rafael Drone Dome, que bloqueia as comunicações com drones, revela ter recebido interesse por parte de alguns clientes do Reino Unido, mas não adianta se se trata dos principais aeroportos daquele país.

Voos próximos de drones junto dos aviões pode causar milhões em prejuízos devido a atrasos ou ligações perdidas, sem mencionar o perigo para os próprios passageiros.

O avistamento de um drone junto às pistas levou ao encerramento de Gatwick durante dias, impediu a descolagem e aterragem de voos, mas não se conhecem as reais intenções de quem manobrou o drone, nem se se chegou a estar perante uma ameaça real. As duas pessoas presas já foram entretanto libertadas.

Também a nível governamental, a secretária para os Transportes Liz Sugg tem reuniões marcadas com os líderes dos principais aeroportos para perceber que defesas existem atualmente e o que está planeado para se lidar com este fenómeno cada vez mais frequente.

  • 333