exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Quanto ganham Nokia, Qualcomm e Ericsson por cada telefone 5G vendido?

Alguns dos gigantes envolvidos em criar o standard 5G revelaram publicamente quanto vão receber por cada telefone com o novo padrão. A Nokia, por exemplo, vai receber três euros, enquanto a Qualcomm vai receber uma percentagem do valor do telefone.

  • 333

Exame Informática

Para evitar futuras batalhas jurídicas, alguns fabricantes que ajudaram a criar o padrão 5G estão a revelar publicamente quanto ganham por telefone vendido. A nokia vai receber três euros por aparelho, a Ericsson oscila entre os 3 e os 5 dólares dependendo do preço do telefone e a Qualcomm atribui as suas licenças por 2,275 ou 3,25% do preço total do telefone, em função de ser um equipamento multimode ou exclusivo 5G. A Qualcomm reduziu o preço máximo a considerar para os 400 dólares, pelo que no máximo poderá ganhar 16,25 dólares, noticia o Engadget.

É normal cada fabricante poder definir quanto quer receber pelo licenciamento da sua contribuição na criação do padrão. Para o 5G, a indústria devia comprometer-se para que as «taxas de licenciamento cumulativo sejam mais baixas e transparentes do que o 4G», disse o presidente da Huawei Eric Xu, no ano passado. A empresa não revelou publicamente quanto vai cobrar, mas assegurou que irá respeitar o princípio FRAND (de fair, reasonable and non-discriminatory).

Os custos com Nokia, Ericsson e Huawei acumulados chegam aos 21 dólares por aparelho, mas há ainda muitas outras contribuições que não foram tornadas públicas.

  • 333