exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

O mistério do sítio arqueológico destruído no Alentejo que foi desvendado por satélite

Hugo Séneca

  • 333

Terão as imagens de satélite a capacidade para proteger o património arqueológico que se encontra no subsolo? Há uma startup de Coimbra que tem vindo a provar que é possível salvar o que os olhos não veem com uma tecnologia que já está em testes no Alentejo e Algarve

A Theia tem nos satélites Sentinel 1 e Sentinel 2 os melhores “amigos” do negócio: foi através dos dados recolhidos do Espaço que a startup sedeada no Instituto Pedro Nunes conseguiu desfazer as dúvidas quanto à destruição de um sítio arqueológico nas imediações de Beja.

  • 333