exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Hospital de Braga testa robôs que entregam refeições aos doentes

Francisco Garcia

  • 333

Os robôs têm um sistema de navegação que permite contornar pequenos obstáculos, e controlar elevadores. As baterias são carregáveis através de um sistema sem fios

Francisco Garcia

O Hospital de Braga deu início aos primeiros ensaios com dois robôs que distribuem refeições aos doentes. Os robôs, que são conhecidos por Edgar, foram desenvolvidos pelo Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESC TEC) para serem flexíveis e fáceis de adaptar aos equipamentos já existentes para a distribuição de refeições.

«Os robôs distinguem-se em vários aspetos das soluções que existem atualmente no mercado, nomeadamente pelo sistema de tração que têm que permite que se agarrem aos carrinhos já existentes através de uma adaptação mecânica mínima, pelo sistema de localização que têm e que faz com que saibam a cada instante onde se encontram, aproveitando assim ao máximo as características naturais do edifício que percorrem sem necessidade de utilizar marcadores ou fitas magnéticas, pela autonomia das baterias que apresentam ou, até mesmo, pela ligação contínua à rede wireless que faz com que o seu funcionamento seja constantemente monitorizado», explica Germano Veiga, investigador na área da robótica e sistemas inteligentes do INESC TEC, num comunicado de imprensa.

Os robôs têm um sistema de navegação incluído que lhes permite contornar pequenos obstáculos, controlar os elevadores e as suas baterias são carregáveis através de um sistema sem fios.

Na opinião de Rosalina Telo, representante da Gertal, uma empresa de serviços alimentares, «no médio e longo prazo, os robôs vão permitir agilizar os processos de distribuição de refeições num hospital e libertar os colaboradores das empresas de catering para outras tarefas a realizar em ambiente hospitalar».

  • 333