exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Alternativa da Huawei ao Android deve ser lançada em setembro

Só no primeiro trimestre deste ano a Huawei vendeu 59 milhões de smartphones

Yui Mok - Getty Images

Terá sido num chat privado que o CEO da Huawei Richard Yu admitiu que o sistema operativo alternativo ao Android vai chegar ao mercado só no outono. Entretanto, a empresa vai poder dispor das atualizações durante três meses.

  • 333

Exame Informática

Richard Yu, CEO para consumer business da Huawei, terá escrito num fórum privado do WeChat que a empresa estará pronta para lançar o seu sistema operativo móvel alternativo ao Android no outono. Recorde-se que a empresa enfrenta um bloqueio nos EUA e a Google foi uma das primeiras empresas a anunciar a suspensão de trocas comerciais com a fabricante chinesa.

Em paralelo, as autoridades norte-americanas autorizaram uma licença temporária, válida até 19 de agosto, durante a qual a Huawei pode continuar a enviar atualizações de software para os seus equipamentos. Esta licença abrange todos os equipamentos Huawei comprados até 16 de maio. O regime de exceção visa dar ao fabricante tempo para encetar as ações necessárias para fornecer serviço e suporte aos utilizadores, incluindo atualizações de software e patches. Por outro lado, a licença permite à Huawei manter o equipamento de rede atual e receber informações sobre vulnerabilidades de segurança.

Na semana passada, Donald Trump registou a Huawei numa lista negra, invocando emergência nacional. Rapidamente, várias empresas como a Google ou fabricantes de chips anunciaram a suspensão das trocas comerciais com a chinesa.

Os trabalhos da Huawei em torno do Huawei OS, alternativa ao Android, estão a decorrer desde 2012.

  • 333