exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Funcionários ouvem todas as gravações do Google Home Assistant, mesmo quando não há comandos de voz

Um canal belga noticia que viu a plataforma onde são guardadas todas as gravações feitas pelo Google Home Assistant. O aparelho envia informações mesmo quando não há perguntas feitas diretamente e há prestadores de serviços a transcrever todas as gravações.

  • 333

Exame Informática

O VRT News falou com um prestador de serviços da Google que explicou que transcreve as gravações provenientes do Google Home Assistant para ajudar a melhorar os serviços de reconhecimento de discurso. O primeiro aspeto assustador é que muitas das gravações foram feitas sem que tenha sido feito o apelo direto ao aparelho através do comando “Hey, Google”, pelo que se depreende que o equipamento está sempre à escuta e pronto a transmitir essas gravações. Pelo relato feito pelo denunciante, é possível escutar-se informação pessoal, atividades no quarto e até episódios de violência doméstica. A mesma fonte explica que a plataforma onde ouve estas gravações tem registos de todo o mundo, o que significa que existem centenas ou milhares de outros prestadores de serviços da Google a ouvir este tipo de conteúdo, alerta o The Next Web.

A leitura que o VRT fez dos Termos e Condições do Google Home mostra que não há menção à possibilidade de as gravações poderem ser ouvidas por outros humanos. Há um esforço da Google em anonimizar os registos antes de os enviar, tratando-os por números e não pelos nomes. No entanto, pelo conteúdo ouvido, é fácil discernir moradas completas e eventualmente chegar até aos utilizadores em questão.

A Google reagiu a este relatório indicando que escuta 0,2% dos seus clipes de áudio para melhorar a tecnologia de reconhecimento de voz. O whistlblower que denunciou a situação revela que já ouviu utilizadores à procura de pornografia nos computadores, discussões entre familiares e até uma situação de uma mulher em potencial perigo, sendo que não há quaisquer instruções sobre o que se fazer nesses casos.

  • 333