exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Justiça americana prepara processo contra a Google

O processo terá por base investigações relacionadas com a privacidade e o abuso de concorrência no grupo Alphabet, que detém a Google

  • 333

Mais de 30 procuradores do ministério público americano estão a trabalhar com o objetivo de lançar um processo contra o grupo Alphabet, que detém a Google. A Reuters revela, com base em fontes anónimas, que o processo deverá conhecer avanços e detalhes a 9 de setembro.

O processo terá por base investigações relacionadas com a privacidade e o abuso de posição dominante. Anda ninguém confirmou a notícia junto do aparelho de justiça dos EUA, mas a Google já se pronunciou sobre a matéria: «continuamos a trabalhar construtivamente com os reguladores, incluindo procuradores, para responder a questões sobre negócios e a dinâmica do setor das tecnologias», adiantou Jose Castaneda, porta-voz da Google, citado pela Reuters.

A entrada em cena da justiça americana corresponde a um novo nível do escrutínio que tem sido montado sobre o grupo Alphabet e outras empresas tecnológicas do outro lado do Oceano Atltântico. Além dos inquéritos no Congresso (que agrega o parlamento e o senado dos EUA), empresas como a Amazon, Facebook e Alphabet têm vindo a ser alvo de ações da Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em inglês).

No que toca ao grupo da Google, em junho, um procurador chegou a sugerir à FTC uma investigação com o objetivo de analisar práticas relacionadas com a privacidade e a concorrência.

  • 333