exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Melinda Gates vai investir mil milhões de dólares para combater a desigualdade de género

Brad Barket - Getty Images

A empresária americana pretende aumentar as oportunidades para as mulheres trabalhadoras em vários setores, nomeadamente, na media, tecnologia e em cargos governamentais

  • 333

Francisco JM Garcia

Esta quarta-feira, Melinda Gates, empresária e mulher do guru tecnológico Bill Gates, anunciou que vai doar um total de mil milhões de dólares (equivalente a 912,66 milhões de euros), durante os próximo dez anos, para promover a igualdade de género nos Estados Unidos da América.

Na Time Magazine, Melinda Gates explicou que «quer ver mais mulheres numa posição decisória em que sejam responsáveis pelos processos administrativos das empresas», sublinhando ainda que acredita «nos benefícios de investir nas mulheres».

De acordo com a empresária, a Pivotal Ventures – empresa incubadora fundada pela mesma – vai alargar os seus recursos a «novos parceiros» que procuram expandir o poder e influência da massa trabalhadora feminina no mercado.

Na lista de objetivos está: acabar com as barreiras que impedem as mulheres de avançar na carreira profissional; dar mais apoio a mulheres que trabalhem nos setores tecnológico, media e em cargos governamentais; incentivar acionistas a pressionar as empresas no sentido de alterarem as políticas empresariais, prevendo aumentar a igualdade de género.

Recorde-se que o casal Gates está à frente da fundação Bill & Melinda Gates e tem estado envolvido em várias ações de caridade, tais como o combate contra a pobreza e mortalidade infantil, bem como na aplicação de soluções para melhorar as condições sanitárias de países subdesenvolvidos.

  • 333