exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Tesla antecipa lançamento do Model Y e anuncia lucros

A Tesla anunciou resultados do terceiro trimestre bem acima das expetativas dos analistas e informou que a fábrica na China foi terminada antes da data prevista e que o lançamento do Model Y vai ser antecipado.

  • 333

De acordo com as informações reveladas pela Tesla no relatório referente ao terceiro trimestre deste ano, há razões para Elon Musk sorrir. Primeiro, os resultados financeiros, bem acima das previsões dos analistas. Entre julho e setembro, a Tesla gerou mais de 140 milhões de dólares de lucro (cerca de 125 milhões de euros), quanto muitos analistas previam resultados negativos. Após este anúncio, as ações da Tesla chegaram a subir quase 20%.

Mas para os fãs da marca, a notícia mais importante foi a antecipação do Model Y, o SUV de dimensão média baseado na mesma plataforma do Model 3. De acordo com Elon Musk, o Model Y deverá começar a ser comercializado já no verão do ano que vem, o que parece ser corroborado com os frequentes avistamentos de Model Y em testes em estradas públicas, o que normalmente acontece pouco antes da produção em série. Também a produção do Tesla Semi, o camião do tipo trator para cargas pesadas, deverá ser antecipada, com a Tesla agora a indicar entregas limitadas deste veículo durante 2020.

Outra boa notícia prende-se com a fábrica de Xangai, China. A terceira da Tesla e a primeira fora dos Estados Unidos, logo no mercado que mais veículos elétricos vende em todo o mundo. Elon Musk anunciou que a fábrica foi contruída em tempo recorde e já está em modo de teste da produção, o que permite antecipar que a produção em série de Model 3 está para breve. A Tesla estima que esta nova fábrica será capaz de, inicialmente, produzir 150 mil Model 3 por ano, cerca de metade da capacidade de produção atual da fábrica de Fremont, nos EUA.

Durante o terceiro trimestre a empresa liderada por Musk continuou a investir no crescimento da rede Supercharger (SUC), instalado estes carregadores em 66 novas localizações, o que significa que já existem quase 800 estações SUC onde os Tesla podem ser carregadores a velocidades que podem chegar a 1000 km/h.

Mas nem tudo foi boas notícias. Há um número que ficou abaixo das expetativas: a faturação. A previsão da Tesla era de 6,45 mil milhões de dólares, mas o valor conseguido foi de 6,3 mil milhões de dólares, cerca de 5,8 mil milhões de euros. Uma consequência não da redução do número de carros vendidos, mas sim da redução do preço médio em função da popularidade do Model 3.

  • 333