exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Nos forçada a retirar campanha sobre 5G

DR

A Associação da Auto Regulação Publicitária obrigou a NOS a retirar uma campanha de publicidade sobre um tarifário móvel 5G por considerar que se trata de uma «campanha comercial enganosa».

  • 333

Exame Informática

A Meo queixou-se, a ARP deu razão e a NOS vai mesmo ser obrigada a remover a campanha publicitária “NOS apresenta. Uma geração sem limites” relativa a um tarifário móvel e que promove «a 5ª geração de Internet móvel» e «sem limites de dados, chamadas e SMS». A Meo reclama que o anúncio constitui publicidade enganosa, «e como tal ilícita».

A Associação de Auto Regulação considera que a operadora da Altice tem razão e que «a disponibilização da rede 5G tem sido efetivada em outros países, é anunciada em Portugal como iminente, facto que entende este JE (Júri de Ética) ser relevante e que evidencia que o consumidor está à espera da tecnologia, existindo um conhecimento geral da sua iminência, ou seja, de que a tecnologia estará disponível em breve. E é neste contexto que o JE não pode deixar deixar de entender que a campanha publicitária da NOS é, efetivamente, suscetível de induzir o consumidor em erro e de o levar a acreditar que a requerida está a anunciar a disponibilização imediata desta rede, associada a um serviço sem limites de velocidade e dados», cita o Jornal de Notícias.

Esta entidade refere ainda que a campanha publicitária constitui uma «prática comercial enganosa» e que a «a sua divulgação deverá cessar de imediato e não deverá ser suposta, seja em que suporte for».

  • 333