exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Software

Fazer zoom, rodar imagens ou aumentar o volume num ecrã? Use o ângulo do dedo

O FingerAngle é uma espécie de 3D Touch 2.0, já que permite usar o ângulo do dedo com que tocamos no ecrã tátil de um dispositivo móvel para uma melhor interação. Uma tecnologia especialmente útil para ecrãs pequenos, como o de relógios inteligentes.

  • 333

Paulo Matos

Os mais recentes iPhones incorporam a funcionalidade 3D Touch – que permite pressionar o ecrã para determinadas ações, como, por exemplo, tocar no ícone da câmara e ter acesso a um menu contextual de atalhos –, mas a Qeexo já está a trabalhar numa funcionalidade que consegue ir mais além. A empresa, que é fruto de um spin-off da Carnegie Mellon, desenvolveu o FingerAngle, um algoritmo que permite aos ecrãs táteis de dispositivos móveis calcular o ângulo do dedo que está a tocar na superfície e oferecer formas de interação que façam sentido nesse contexto.

O FingerAngle pode ser especialmente pertinente em smartwatches, pois a reduzida superfície do ecrã não permite a utilização de dois dedos em simultâneo. Entre as utilizações práticas desta tecnologia estão a possibilidade de usar a inclinação do dedo para fazer zoom em mapas, rodar para ajustar o volume ou manipular imagens em todos os eixos.

O The Next Web avança que ainda não há uma data prevista para que o FingerAngle chegue ao mercado, mas as perspetivas são relativamente otimistas, já que estamos a falar de uma atualização de software que não requer investimento em novo hardware.

Pode ver o vídeo com exemplos práticos do FingerAngle em baixo.

  • 333