exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Software

Microsoft reafirma que o Chrome é o pior para as baterias dos portáteis

A empresa de Redmond responde assim ao vídeo da Google. Apesar de a versão mais recente do Chrome ter algumas melhorias, o Edge continua a ser melhor, segundo a Microsoft.

  • 333

A “guerra” começou em junho com a Microsoft a dizer que o Edge era o browser que permitia maiores autonomias nos portáteis, especialmente a fazer streaming de vídeo. A Opera e a Google responderam, cada uma à sua maneira.

Agora, a Microsoft publicou um novo vídeo com o Edge atualizado na versão Windows 10 Anniversary, contra o Opera, o Chrome 53 e o Firefox 48. O teste consistiu na reprodução em loop de um vídeo no Netflix: o Edge durou 527 minutos, o Opera 429, o Chrome 365 e o Firefox apenas 312, noticia o ArsTechnica.

O segundo teste da Microsoft passou pelo consumo energético da CPU, GPU e chip de Wi-Fi em alguns cenários de navegação mais simples e a conclusão é idêntica: o Edge é mais eficiente.

Para os utilizadores mobile, o critério da autonomia pode ser decisivo na altura de escolher um browser. No entanto, para utilizadores de desktop ou de computadores portáteis para trabalho, aspetos como a estabilidade do programa e a quantidade e qualidade de extensões também devem ser considerados.

  • 333