exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Software

Facebook começa a pagar aos utilizadores para monitorizar utilização do telefone

A app Study é a nova proposta do Facebook para passar a pagar compensações para os utilizadores que concordem em ver a sua utilização do telefone monitorizada.

  • 333

Exame Informática

O Facebook pretende passar a pagar um montante não especificado aos utilizadores da Índia e dos EUA que sejam convidados a instalar a app Study e tenham o seu histórico de utilização escrutinado pela empresa. A Study é uma aplicação que monitoriza quais as aplicações que estão instaladas no telefone, em que país está a ser usada e que consegue detetar outras funcionalidades específicas que estejam a ser usadas. O Facebook informa que não vai monitorizar conteúdos específicos, como mensagens, sites visitados ou passwords dos utilizadores, noticia o The Verge.

A Study mostra que o Facebook está interessado nos comportamentos dos utilizadores e que, para escapar à controvérsia, está disposto a pagar por essa informação. A aplicação é a sucessora da Facebook Research, app dirigida mais a um público juvenil e que assentava num certificado especial que contornava as proteções da App Store e obtinha um nível de acesso mais aprofundado aos iPhone, em violação das normas da marca de Cupertino.

Os participantes interessados na Study têm de ter mais de 18 anos, residir nos EUA ou na Índia e ter uma conta de PayPal para poderem receber a compensação financeira. O programa desta vez só vai estar disponível para utilizadores Android e vai requerer um nível de acesso avançado.

O montante a pagar e os moldes pelos quais são regulados os pagamentos ainda não foram especificados, nem se conhecem os critérios para envio dos convites para a Study, mas o Facebook garante que «todos serão compensados».

  • 333