exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Software

Próxima versão do Android vai chamar-se apenas “10”

Ao contrário do que acontecia anteriormente, a Google deixa cair oficialmente a letra do alfabeto associada a um doce

  • 333
Paulo Matos

Paulo Matos

Jornalista

O Android 9 era também conhecido por Pie, o 8 por Oreo, o 7 por Nougat, o 6 por Marshmallow e por aí fora… Agora a Google revelou que a próxima versão do seu sistema operativo para dispositivos móveis vai abandonar a associação alfabética a um doce.

O anúncio oficial foi feito por Sameer Samat, vice-presidente de gestão de produto do Android, numa publicação no blog da empresa: «A nossa equipa de engenheiros sempre utilizou nomes de código internos para cada versão, com base em guloseimas ou sobremesas saborosas por ordem alfabética. Esta tradição da nomeação tornou-se uma parte divertida do lançamento quer interna quer externamente. Mas, ao longo dos anos, ouvimos comentários de que os nomes nem sempre foram compreendidos por todos na comunidade global.»

A empresa recorre até ao humor para explicar a razão da mudança: «Por exemplo, L e R não são diferenciados quando ditos em alguns idiomas. Então, quando algumas pessoas escutaram Android Lollipop em voz alta, não ficou claro que este termo se referia à versão depois do KitKat. É ainda mais difícil para os novos utilizadores do Android, que não estão familiarizados com a convenção da denominação, perceber se o telefone está a correr a versão mais recente. Também sabemos que as tartes não são uma sobremesa em alguns locais, e que os marshmallows, embora deliciosos, não são um deleite popular em muitos locais do mundo».

Como a Google entende que «é importante que estes nomes sejam claros e relacionáveis para todas as pessoas no mundo», a próxima versão do Android utilizará apenas o número da versão – ou seja, Android 10. «Acreditamos que esta alteração ajuda a tornar os nomes das versões mais simples e intuitivas para a nossa comunidade global», refere a Google.

A Google anunciou igualmente a renovação do design da marca Android. Assim, o robot continua a marcar presença, mas o logótipo passa de verde para preto (como pode ver na imagem acima). A empresa justifica esta pequena mudança com o facto de o verde ser difícil de ler, especialmente para pessoas com deficiências visuais, pelo que agora foi criado «um novo conjunto de combinações de cores que melhoram o contraste».

  • 333