exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Testes

Asus Zephyrus GX501V em teste

  • 333

É natural que esteja habituado a pensar em portáteis de gaming como máquinas grandes e pesadas. Mas com o Asus Zephyrus pode esquecer estas ideias. É que, apesar de ter uma gráfica Nvidia de topo, esta máquina é fina e facilmente transportável.

Para se chegar a estas características foi preciso investir num design invulgar. Assim, enquanto a gráfica fica localizada na parte de cima, o teclado fica na parte de baixo. Isto pode ser pouco confortável, mas a Asus disponibiliza um suporte para os pulsos para melhorar a ergonomia. A área do touchpad fica localizada no lado direito e basta um toque num botão para a transformar num teclado numérico.

Temos de destacar também o engenho da Asus na criação de um mecanismo em que o chassis se eleva ligeiramente da base sempre que se levanta a tampa do portátil. Isto permite uma melhor circulação do ar, uma funcionalidade útil para um portátil com um desempenho elevado que permite jogar títulos exigentes com configurações elevadas.

Todos estes aspetos positivos acabam por repercutir-se no preço, pois 3500 euros será um óbice para a maioria das carteiras dos portugueses.

  • 333