exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Web Summit

Web Summit: Três finalistas para 100 mil euros

A Kubo Robot pretende comercializar kit didáticos de robótica

Já são conhecidos os três finalistas do concurso de startups que decorrena Web Summit. Os projetos prometem revolucionar a energia renovável, a robótica e o software de gestão... mas só um pode levar mil euros de prémio

  • 333

São as três finalistas que foram apuradas ao longo da Web Summit e que já tiveram direito ao palco principal da Web Summit, para apresentarem os negócios ao público e a um júri especializado. Dentro de um, dois ou três anos se saberá se algumas destas estrelas radiantes dos novos negócios terá logrado tornar-se "o grande negócio do futuro"... mas para já é o prémio de 100 mil euros, que é atribuído ao melhor pitch que está em jogo. As dúvidas serão sanadas a meio da tarde com a apresentação da vencedora.

Um júri especializado analisa as propostas dos três finalistas da Web Summit, durante a manhã de quinta-feira, no palco principal do Web Summit

Um júri especializado analisa as propostas dos três finalistas da Web Summit, durante a manhã de quinta-feira, no palco principal do Web Summit

Kubo Robot

A Kubo Robot pretende comercializar um kit robótico que promete levar o ensino da programação para a creche. O kit tem por base um robô com capacidade de reconhecimento de imagens, que vai captando à medida que percorre diferentes vinhetas com símbolos que vão sendo colocadas sobre a mesa ou não chão. Além de comandar o robô, a programação pode incidir sobre a aprendizagem do inglês e matemática. A jovem startup pretende levantar 80 mil euros de investimento, através de uma campanha de crowdsourcing no IndieGoGo, mas acredita que pode estabelecer um novo recorde... superando encomendas capazes de valer mais de um milhão de euros, à semelhança do que já aconteceu com outras soluções similares.

A PapayaPod pretende agilizar o mercado dos arrendamento com um novpo software

A PapayaPod pretende agilizar o mercado dos arrendamento com um novpo software

PapayaPods

O PapayaPods é uma app para senhorios, que permite agilizar check-ins de inquilinos e permite apurar o estado em que se encontra cada apartament. O app permite captar imagens do apartamento ou do quatro antes de se iniciar o aluguer e comparar essas imagens com aquelas que serão tiradas no final do aluguer (para permitir comparar ou responsabilizar os inquilinos por eventuais estragos). Hoje, a app é já usada para gerir 3000 quartos de vários senhorios dispersos pelo mundo. A PapayaPods foi criada na Suíça, mas mudou-se para Barcelona.

O

O

SoilTron

A SoilTron chega à final da competição do WebSummit com um pequeno gerador que deverá ser instalado no subsolo para recolher energia. A solução deverá começar a entrar no mercado mundial através da instalação de geradores no subsolo que alimentam luzes públicas. Os criadores desta startup cipriota preveem estar a faturar 150 milhões de euros em breve. A solução está desenhada para operar em redes elétricas de 230 volts. De acordo com o seu criador, um jovem cipriota de 19 anos que, desde os 16 anos, tem vindo a destacar-se por inovações na área da eletricidade.

  • 333