exameinformatica

Uma parceria VISÃO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

Estudantes chineses burlam Apple em milhares de dólares através de esquema de troca de iPhones de contrafação

Apple teve um prejuízo de cerca de 895 mil dólares

SOPA Images - Getty Images

Segundo o jornal The Oregonian, os modelos de contrafação eram trazidos de Hong Kong, estimando que a marca tenha perdido cerca de 895 mil dólares

  • 333

Francisco Garcia

Dois estudantes de engenharia chineses de Oregon foram acusados de burlar a Apple em milhares de dólares, através de um esquema que consistia em enviar iPhones de contrafação para a marca, fingindo que os estavam a devolver por defeitos de fabrico, e em troca recebiam iPhones verdadeiros. O esquema esteva operacional desde abril de 2017.

Segundo o jornal The Oregonian, os modelos de contrafação eram trazidos de Hong Kong e cerca de 1493, dos 3069 iPhones que foram enviados, conseguiram enganar a marca com a garantia falsa. A Apple estima ter tido uma perda de 895 mil dólares, o equivalente a aproximadamente 797 mil euros.

Assim que recebiam os iPhones verdadeiros, um dos estudantes estava encarregue de os enviar para a China, enquanto o outro tratava de os ir levantar às Apple Stores ou levantá-los através de um processo online.

De momento as autoridades americanas acusam um dos estudantes de ter submetido declarações de exportação falsas, enquanto que o outro é acusado de tráfico e contrafação de bens.

  • 333