exameinformatica

Uma parceria EXPRESSO

Siga-nos nas redes

Perfil

Mercados

HTC vai cortar 15% dos postos de trabalho

O fabricante prevê despedir cerca de 2 mil pessoas como parte de um processo de restruturação que quer fazer com que a HTC consiga apostar mais em novas áreas, como é o caso da realidade virtual.

  • 333

Paulo Matos

AFP

Depois da Lenovo, agora vai ser a HTC a avançar para despedimentos. Os últimos trimestres não têm sido particularmente bons para o fabricante de Taiwan, pelo que a empresa vai avançar para uma restruturação que visa reduzir as atuais despesas operacionais em 35%.

Assim, a HTC vai despedir 15% do número de funcionários. Se tivermos em conta que a 31 de março deste ano a companhia tinha 15685 empregados, podemos constatar que serão afetados cerca de 2 mil postos de trabalho.

O The Verge adianta que a restruturação tem igualmente por objetivo permitir à empresa atacar outros segmentos de mercado que vão além dos smartphones e de que é exemplo a realidade virtual. Além disso, a HTC prevê continuar a reduzir custos até ao primeiro trimestre do próximo ano.

  • 333